quarta-feira, 2 de julho de 2008

Caindo na Real...

Agora, 21:30 do dia 1º de Julho do corrente ano, estou a ouvir “Perfeito Amor” da banda Oficina G3, não sabia como continuar o post anterior, resolvi parar e falar o que estou sentindo...

Cara, a misericórdia de Deus me constrange quando penso em tudo que Ele faz por mim. Não digo isso pelo projeto complicado que Ele me deu graça de fazer, mas sim, por tudo que Ele tem feito em minha vida.

Eu estava mal, com problemas em varias áreas da minha vida... Claro, acho que poucos notaram ou sabiam disso, pois tenho dificuldade em me abrir e desabafar completamente. Mas tem um Cara que eu sei que sempre posso contar, sempre posso me abrir e me entregar totalmente, e sinto-me a vontade fazendo isso. O melhor de tudo, é que não é algo vão... A resposta vem, e isso é magnífico!

Sabe, sentir Deus ao seu lado é algo inexplicável... Sentir os braços abertos dEle ignorando toda minha ingratidão é algo que não pode ser descrito. Velho, Deus não me deixou sozinho em momento algum, eu tinha certeza que nEle tudo iria passar, iria mudar... E não foi diferente, Ele me ajudou e tem me ajudado em tudo! Hoje posso cantar com convicção:

“Posso enfrentar o que for, eu sei Quem luta por mim,
Meus sonhos não podem ser frustrados.
Minha esperança está nas mãos do “Grande Eu Sou”,
Meus olhos vão ver o impossível acontecer”.

O melhor disso tudo, é que é só o começo. Afinal de contas, “o melhor de Deus ainda está por vir!”

Deus abençoe sua vida, querido leitor de sempre ou de nunca!

-Tiago Faller.

Um comentário:

Mandy disse...

Cara, a misericórdia de Deus me constrange quando penso em tudo que Ele faz por mim [2] e sempre.